A importância da comunicação assertiva

“Como desenvolver uma comunicação assertiva para uma assistência de excelência” foi o tema da palestra ministrada pela enfermeira e líder coach Andréa Prado, no período da tarde da última segunda-feira (13), quando foi aberta a Semana de Enfermagem da Sociedade Portuguesa de Beneficência.

“Saber se comunicar é essencial para ser um bom profissional porque a comunicação  é um dos pilares da liderança… ” iniciou a palestrante que de forma clara sem deixar espaço para ruídos na comunicação disse que a(o) enfermeira(o) se formou para ser líder, por isso independentemente dos inúmeros fatores que desencadeiam conflitos, deve se expressar assertivamente para evitar ou no mínimo, reduzir conflitos de toda natureza que surja no dia a dia em seu ambiente de trabalho.

Andréa Porto, da empresa Gohosp – Governança Assistência Hospitalar, representando também a Prado&Santos Treinamentos e Consultoria, enfatizou a importância da linguagem  verbal e corporal (comunicação não-verbal, onde o corpo “fala” através de gestos, expressões faciais e posturas).

 “A importância da linguagem não verbal tem o mesmo valor da linguagem oral de acordo com seu estilo de comunicação que não pode ser agressivo ou passivo e sim assertivo para que sua intenção seja claramente compreendida. Quanto mais evidente for sua capacidade para a troca e discussão de ideais, mais resultados positivos terá sua equipe, pois todos entenderão a linguagem”. A palestrante enfatizou que a(o) enfermeira(o) deve expor seus pensamentos de forma clara não apenas para os colegas de trabalho, mas também para o paciente e ainda para seu superior, seja ele médico ou gestor, para que não pairem dúvidas sobre sua comunicação.

*Confira as fotos da palestra da enfermeira e coach Andréa Prado

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer falar conosco? Mande uma mensagem!
Fale com nossos setores
Fale com os setores através do WhatsApp