Outubro Rosa, uma realidade diária

            Na Beneficência Portuguesa, cujo Serviço de Oncologia atende pacientes de toda a região, o Outubro Rosa é uma realidade diária que envolve colaboradores e pacientes. Outubro Rosa, campanha de conscientização sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. Segundo a direção da Beneficência. A campanha deve ser desenvolvida o ano inteiro porque esse tipo de câncer é o mais comum entre as mulheres, no Brasil e no mundo. Mais recentemente, o Outubro Rosa preconiza também a conscientização sobre o câncer de colo do útero,

           O movimento de conscientização lançado neste mês de outubro pela Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM)  sob o tema “Quanto antes melhor”, cujo objetivo  é chamar a atenção das mulheres para a adoção de um estilo de vida saudável no dia a dia, com a prática de atividades físicas e boa alimentação para evitar doenças, entre elas, o câncer de mama, vem ao encontro das ações desenvolvidas na Beneficência Portuguesa de Santos, onde a alimentação balanceada faz parte do dia a dia na prevenção da saúde.

          Na Instituição, o Serviço de Dietética e Nutrição, através de suas nutricionistas desenvolve cardápios priorizando alimentos naturais e constantemente divulga dicas para uma alimentação saudável. Aliado a isso, as equipes da Oncologia (Quimioterapia e Radioterapia) alertam que o câncer de mama pode apresentar diversos sintomas, mas pode também ser assintomático para muitas mulheres. Por essa razão é importante que a mulher esteja atenta a qualquer alteração nas mamas procurando, imediatamente, o médico ao notar alguma anormalidade.

          De acordo com a Sociedade Brasileira de Mastologia não há  uma causa única para o câncer de mama, esclarecendo que vários agentes estão relacionados ao desenvolvimento da doença entre as mulheres, como: envelhecimento, fatores relacionados à vida reprodutiva da mulher (idade da primeira menstruação, ter tido ou não filhos, ter ou não amamentado, idade em que entrou na menopausa), histórico familiar de câncer de mama, consumo de álcool, excesso de peso, atividade física insuficiente e exposição à radiação ionizante.

         Sintomas – Os principais sintomas da doença são: caroço (nódulo), geralmente endurecido, fixo e indolor; pele da mama avermelhada ou parecida com casca de laranja, alterações no bico do peito (mamilo) e saída espontânea de líquido de um dos mamilos. Também podem aparecer pequenos nódulos no pescoço ou nas axilas.

         A campanha Outubro Rosa na Beneficência Portuguesa, que inclui a participação de todos os colaboradores, sem distinção de gênero, de acordo com a Diretoria do hospital deve ser uma preocupação permanente, lembrando que embora raro, o câncer de mama em homens é uma realidade, acontece. De acordo com o Inca – Instituto Nacional do Câncer, dos casos de câncer de mama, 1% é masculino. Para cada 100 mulheres diagnosticadas com câncer de mama, há 1 homem com o mesmo diagnóstico.

          Nesse Outubro Rosa, lives reunindo oncologistas e o presidente da Sociedade Portuguesa de Beneficência, mantenedora dos hospitais Santo Antônio e Santa Clara, tem levado ao público orientações e debates sobre prevenção os diferentes tipos de câncer.

          Na Beneficência Portuguesa de Santos o Serviço de Oncologia funciona nos seguintes horários, de segunda a sexta-feira: Quimioterapia, das 7h às 17h e na Radioterapia, para atendimento à demanda, o atendimento está ocorrendo das 5h às 2h da madrugada, ou seja, cerca de vinte e uma horas, com equipamento desligando apenas para manutenção.

(Fontes: Sociedade Portuguesa de Beneficência de Santos (SPB), Instituto Nacional de Câncer (INCA), Ministério da Saúde e Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM)

1 comentário em “Outubro Rosa, uma realidade diária”

  1. Noemi Macedo

    É muito bonito ver todos os colaboradores engajados na campanha Outubro Rosa. Colorir o hospital, colorir sorrisos, colorir a vida, independentemente das tempestades é renovar a esperança de um mundo melhor, mais fraterno, mais solidário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer falar conosco? Mande uma mensagem!
Fale com nossos setores
Fale com os setores através do WhatsApp